Fundação José Saramago propõe Baltasar Garzón para Prémio Nobel da Paz

Por estar envolvido na defesa dos Direitos Humanos e por nunca ter baixado a cabeça diante de nenhum estratagema e de nenhum poder, porque acreditou na justiça universal para as vítimas, em qualquer continente e em qualquer país.

fjs
Lisboa, Dezembro de 2008
60.º Aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos 

Pin It on Pinterest

Share This