Vasco Graça Moura nomeado presidente do CCB

Vasco Graça Moura foi o nome escolhido para a presidência da Fundação Centro Cultural de Belém (CCB), anunciou esta sexta-feira a Secretaria de Estado da Cultura (SEC).

O escolhido vai substituir António Mega Ferreira, cujo mandato termina na próxima segunda-feira. Sem justificar a não recondução de Mega Ferreira, que poderia exercer mais um mandato de três anos, Francisco José Viegas, destacou apenas, em comunicado, a forma exemplar como este executou os seus cargos, “dando provas de brilho, criatividade e responsabilidade no cumprimento da missão que lhe foi incumbida”.

Vasco Graça Moura, de 70 anos, é assim o seu sucessor, ficando responsável pela direcção administrativa e financeira do CCB, assim como pelos recursos humanos e toda a gestão do espaço. “A escolha de Vasco Graça Moura para presidir à Fundação Centro Cultural de Belém no mandato que agora se inicia, corresponde a um novo ciclo de desafios para o cumprimento do serviço público do CCB na área da Cultura, desafios esses que Vasco Graça Moura, pela sua ampla experiência aliás reconhecida de forma inequívoca, será certamentente capaz de enfrentar da melhor forma ao longo dos próximos três anos”, escreveu em comunicado o secretário de Estado da Cultura.

A SEC destaca ainda o “amplo currículo reconhecido a nível nacional e internacional” de Vasco Graça Moura, que inclui diversos cargos públicos de relevo na área da Cultura.

Para o cargo ocupado por Margarida Veiga, a SEC apontou a historiadora de Arte Dalila Rodrigues. Professora, investigadora e autora de livros e artigos científicos, Dalila Rodrigues exerceu os cargos de directora do Museu de Grão Vasco, do Museu Nacional de Arte Antiga e da Casa das Histórias Paula Rego, para além do cargo de Directora de Comunicação, Marketing e Desenvolvimento da Casa da Música.

Miguel Leal Coelho, responsável pelas actividades comerciais e o centro de espectáculos, é assim o único membro da administração que continua no cargo, uma vez que foi nomeado a 3 de Novembro de 2010, terminando o seu mandato em 2013.

Fonte: Público

Nota da Fundação:

A Fundação José Saramago felicita Vasco Graça Moura pela nomeação para tão importantes funções culturais. O novo Presidente da Fundação CCB é, desde a primeira edição, membro do júri do Prémio Literário José Saramago e foi inquilino da Casa dos Bicos enquanto Presidente da Comissão dos Descobrimentos.

Nesta oportunidade, agradecemos a sempre pronta colaboração de António Mega Ferreira com a Fundação José Saramago nos anos em que, de forma tão brilhante, dirigiu os destinos do CCB.

Pin It on Pinterest

Share This