Andrea del Fuego entra no mundo fantástico dos sonhos em “As Miniaturas”

A escritora brasileira Andréa del Fuego, vencedora do Prémio José Saramago em 2011 com “Os Malaquias”, entrou no mundo dos sonhos em “As Miniaturas”, lançado agora pela Companhia das Letras.

Sobre o novo livro, pode ler-se no blog literário Máquina de Escrever, de O Globo:

“O estilo de Andréa del Fuego é de difícil definição: com uma linguagem econômica e uma narrativa baseada na construção de pequenos quadros, ‘As Miniaturas’ difere bastante de ‘Os Malaquias’, uma celebração dos antepassados que mistura elementos ficcionais e autobiográficos, compondo a trajetória de uma família inspirada em vivências da autora – como a perda dos pais ainda na infância. O novo romance tem como cenário um prédio misterioso, onde pessoas se amontoam na fila do elevador, se espalham pelos corredores e ocupam as salas burocraticamente decoradas dos ‘oneiros’ – uma espécie de assessores de sonhos que orientam o subconsciente das pessoas que atendem, com auxílio de pequenas esculturas de plástico. A partir de um equívoco burocrático, um oneiro abandona seu rigoroso código de conduta para se envolver na vida de um rapaz e de sua mãe, uma taxista abandonada pelo marido. A história avança num território incerto, entre o real e o imaginado.

Ver entrevista com a autora em

Máquina de escrever

Pin It on Pinterest

Share This