Chéri de Colette, traduzido por José Saramago

Chéri de Colette, traduzido por José Saramago

“Chéri” de Colette, traduzido por José Saramago, editado em 2009 pela Editorial Presença.

Em 1960, José Saramago traduziu o “mais célebre romance” de Colette, Chéri (1920), com a chancela da Estúdios Cor. Em 2009, a Editorial Presença recupera esta “exemplar tradução” que “restitui-nos, em língua portuguesa, os cambiantes da escrita de Colette com a mesma magnífica pujança e nitidez”, refere-se na contracapa desta edição.

 

 

A mesma tradução da Estúdios Cor havia já sido publicada, em 1988, pela editora Contexto:

 

 

Pin It on Pinterest

Share This