Chéri, de Colette

Chéri, de Colette

Em 1960 dava à estampa a tradução pela Estúdios Cor de José Saramago do romance Chéri de Colette. O livro foi inserido da Colecção Latitude, da responsabilidade de Nataniel Costa, onde já haviam sido publicados outros títulos da autora.
A capa é da autoria de Paulo Guilherme.
cheri
No exemplar do livro presente na Biblioteca da Fundação consta uma página da Revista Brotéria (Volume 73 — Julho de 1961) onde apesar do livro ser considerado “reprovável, sob o ponto de vista moral”, “a tradução de ambos os volumes [Chéri e o Fim de Chéri, também este traduzido por José Saramago] é boa”.

Pin It on Pinterest

Share This