Ciclo “Sem casas não haveria ruas”: Thomas Bakk e a literatura de cordel

Ciclo “Sem casas não haveria ruas”: Thomas Bakk e a literatura de cordel

Na 11.ª sessão do ciclo “Sem casas não haveria ruas”, organizado pela Casa Fernando Pessoa, a editora BOCA – Palavras que alimentam e a Fundação José Saramago, recebemos o actor e contautor brasileiro Thomas Bakk para uma sessão em que a literatura de cordel, as histórias da tradição oral que inspiram os seus contos em verso, as suas fábulas e parábolas bem apimentadas de sátira, humor e um erotismo cru, assumem o papel central.

A entrada, como habitualmente é livre, sujeita à lotação da sala.

 

unnamed (9)

Sobre o ciclo “Sem casas não haveria ruas”:
Todos os meses a editora BOCA sai para a rua e celebra a palavra em casa amiga. À Fundação José Saramago leva contadores de histórias, reinventores da melhor tradição oral e popular. Na Casa Fernando Pessoa desfruta em voz alta dos vários géneros da literatura consagrada e por consagrar. Fica o encontro marcado: um sábado na Casa Fernando Pessoa, na Fundação José Saramago uma sexta-feira do mês seguinte e por aí adiante, alternadamente.

Pin It on Pinterest

Share This