Julián Fuks – Prémio Literário José Saramago 2017

Julián Fuks – Prémio Literário José Saramago 2017

A Fundação José Saramago dá os parabéns a Julián Fuks, autor de A Resistência, pela atribuição do Prémio Literário José Saramago/Fundação Círculo de Leitores.

O vencedor desta edição do prémio foi anunciado esta quarta-feira (25), no auditório da FJS.


Divulgação/Companhia das Letras

Ler comunicado do júri (PDF 561,8 KB)

O autor
Nascido em São Paulo, em 1981, Julián Fuks é escritor, tradutor e crítico literário. Filho de argentinos que deixaram o país por motivos políticas, Fuks aborda a questão da identidade e do exílio em A Resistência, livro que além de vencer o Prémio José Saramago recebeu em 2016 o Prémio Jabuti.

O Prémio
Em 1998, para homenagear o escritor que acabara de receber o Prémio Nobel de Literatura, a Fundação Círculo de Leitores criou o Prémio Literário José Saramago. Destinado a autores e autoras lusófonos de até 35 anos de idade (na altura da publicação do livro), o galardão tem por objetivo incentivar a publicação de obras de jovens criadores. Além da dotação económica, o prémio significa um importante impulso num momento em que a carreira literária está dando os seus primeiros passos. Entregue a cada dois anos, o Prémio Literário José Saramago, chega à 10.ª edição com uma lista de vencedores que hoje são apontados como algumas das mais importantes vozes da literatura em língua portuguesa. São eles: Paulo José Miranda, José Luís Peixoto, Adriana Lisboa, Gonçalo M. Tavares, Valter Hugo Mãe, João Tordo, Andréa del Fuego, Ondjaki, Bruno Vieira Amaral e Julián Fuks.

Pin It on Pinterest

Share This