LIVROS SOBRE A OBRA DE JOSÉ SARAMAGO

LIVROS SOBRE A OBRA DE JOSÉ SARAMAGO

A

AAVV. «José Saramago. Il bagaglio dello scrittore (a cura di Giulia Lanciani)». Roma. Buizoni Editore, 1996.

AAVV. «Saramago». Braga. Feira do Livro, 1999.

AAVV. «Diálogos Cervantinos – Encuentros con José Saramago». Murcia. Fundación Cajamurcia, 2005.

AAVV – EQUIPA SARAMAGUIANA DE INVESTIGAÇÃO EM TEORIA E CRÍTICA LITERÁRIA (AAVV, direcção Miguel Koleff, co-direcção María Victoria Ferrara). Diccionario de Personajes Saramaguianos. Buenos Aires, Santillana, Córdoba, Argentina. EDUCC, Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2008.

AAVV. Palavras para José Saramago – Pesquisa e compilação de textos realizados por Fundação José Saramago. Lisboa. Caminho / Leya em colaboração com a Fundação José Saramago, 2011.

AAVV. Palabras para José Saramago – Búsqueda y compilación de textos: Fundación José Saramago (Edición no venal). México. Universidad Nacional Autónoma de México con Fundação José Saramago, 2012.

AAVV – Equipa de investigação da Universidad Católica de Córdoba, Apuntes Saramaguianos – Aproximaciones a la narrativa de José Saramago (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2004.

— Apuntes Saramaguianos II – José Saramago: Un acercamiento al lector (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2005.

— Apuntes Saramaguianos III – José Saramago y el siglo XXI (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff e da Profª. María Victoria Ferrara). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2007.

— Apuntes Saramaguianos IV – José Saramago: el debate impostergable (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff e da Profª. María Victoria Ferrara). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2008.

— Apuntes Saramaguianos VI – José Saramago: memoria, voces, escrituras (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff e da Profª. María Victoria Ferrara). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2010.

— Apuntes Saramaguianos VII – José Saramago y el capitalismo global (com a direcção do Prof. Dr. Miguel Koleff e da Profª. Fabiana Takahash). Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2012.

AAVV. Saramago – Un Nobel para Portogallo: Atti del Convegno Internazionale a cura di Igino Creati e Massimo Pamio. Itália, Penne. Comittato Organizzatore Premio Nazionale di Narrativa “Città di Penne”, 1998.

AAVV. «Revista de Estudos Saramaguianos», com edição de Miguel Alberto Koleff e Pedro Fernandes de O. Neto (edição em português e em espanhol). Brasil, São Paulo. Editora Patuá. 2014 (publicação periódica, bianual).

AGUILERA, FERNANDO GÓMEZ. «José Saramago: a Consistência dos Sonhos Cronobiografia». Lisboa. Caminho / Leya, 2008.

— «José Saramago. La consistencia de los sueños – Biografía cronológica». Espanha, Lanzarote. Fundación César Manrique, 2010.

— «José Saramago nas suas palavras (edição e selecção de Fernando Gómez Aguilera)». Lisboa. Caminho / Leya, 2010.

— «José Saramago en sus palabras (edição e selecção de Fernando Gómez Aguilera)». Espanha, Madrid. Alfaguara, 2010.

— «As palavras de Saramago (Organização e seleção de Fernando Gómez Aguilera)». Brasil, São Paulo. Companhia das Letras, 2010.

— «José Saramago. Un hombre llegado a una isla». Espanha, Lanzarote. Cabildo de Lanzarote, 1997.

ALVES, CLARA FERREIRA. «A Lisboa de Saramago». Lisboa. Festival dos Oceanos e Clara Ferreira Alves, 1999 (edição bilingue).

ALVES, MÁRIO JOÃO. «José, Será Mago?». Vila do Conde. Booklândia – Quidnovi, 2012.

AMORIM, SILVIA. «José Saramago – art, théorie et éthique du roman». França, Paris. L´Harmattan, 2010.

ARIAS, JUAN. «José Saramago: O amor possível». Lisboa. Dom Quixote, 2000.

ARNAUT, ANA PAULA. «José Saramago (coord. e nota prévia, Carlos Reis)». Lisboa. Edições 70, 2008.

ASSUNÇÃO, KARINA LUIZA DE FREITAS. «“A Caverna” de José Saramago: Lugar de enfrentamentos entre o sujeito e o poder». Brasil, Curitiba. Edições Prima, 2012.

ATKIN, RHIAN. «Saramago’s labyrinths: A journey through form and content in Blindness and All the Names». UK e USA. Manchester University Press, 2012.

AZINHEIRA, TERESA; COELHO, MARIA DA CONCEIÇÃO. «Uma leitura de Memorial do Convento». 2a ed., Venda Nova, Bertrand, 1997.

B

BAÑON, JOSÉ JOAQUIN PARRA.  «O Pensamento Arquitectónico na Obra de José Saramago». Lisboa. Editorial Caminho, 2004.

— «Pensamiento Arquitectónico en la obra de José Saramago – Acerca de la arquitectura de la casa». Espanha, Sevilha. Aconcagua Libros – Iberia Nossa, 2003.

BAPTISTA-BASTOS, ARMANDO. «José Saramago: A Aproximação a Um Retrato». 1.a ed., Lisboa, Dom Quixote, 1996.

— «José Saramago, Un retrato apasionado (com prólogo de Pilar del Río)». Espanha, Madrid. Clave Intelectual. 2011.

— «José Saramago, un ritratto appassionato (com prólogo de Pilar del Río)». Itália, Roma. L’asino d’Oro Edizioni. 2011.

BAPTISTA, FERNANDO PAULO.« Polifonia, Poiese & Antropopoiese para uma Sinfónica do Humano (rapsódia diabólica com Sócrates, Octavio Paz, Michel Serres e José Saramago)». Lisboa, Instituto Piaget, 2006.

BARRAL, M. LUÍS PEREIRA DO. «O Que É o Evangelho segundo Jesus Cristo de José Saramago?». Braga. M. L. P. Barral (edição de autor), 1992.

BASTAZIN, VERA. «Mito e Poética na Literatura Contemporânea – Um Estudo sobre José Saramago». Brasil, São Paulo. Ateliê Editorial, 2006.

BASTO, JOSÉ MOURA DE. «Deus É Grande e José Saramago o Seu Evangelista». Lisboa. J. M. de Basto (edição de autor), 1993.

BASTOS, ADRIANO; CUNHA, MANUELA SALVADOR. «Memorial do Convento – Uma proposta de análise». Lisboa. Editorial A Folha Cultural, 2005.

BERRINI, BEATRIZ. «Ler Saramago: o Romance. Lisboa. Caminho, 1998.

— «José Saramago: uma homenagem». Brasil, São Paulo. Educ – Editora da PUC – SP, 1999.

BESSE, MARIA GRACIETE. «José Saramago e o Alentejo: entre o real e a ficção». Évora. Casa do Sul, 2008.

— «José Saramago et l’Alentejo: entre réel et fiction». França, Paris. Editions Petra. 2015.

BLOOM, HAROLD. «José Saramago (Bloom’s Modern Critical Views)». EUA, Filadélfia. Chelsea House Publishers, 2004.

— «The Varieties of José Saramago». Lisboa. Fundação Luso-Americana, 2002.

BORGES, ANTÓNIO JOSÉ. «José Saramago – Da cegueira à lucidez». Sintra. Zéfiro, 2010.

BRAGA, ZAIDA; RAMOS, AUXÍLIA. «Memorial do Convento – José Saramago». Lisboa. Ideias de Ler, 2009.

BUENO, APARECIDA DE FÁTIMA. «O poeta no labirinto: a construção do personagem em O Ano da Morte de Ricardo Reis». Brasil, Viçosa. Editora da Universidade Federal de Viçosa. 2002.

C

CABRITA, JOÃO. «Horizontes da Lietartura — Pessoa em Saramago». Lema d’Origem, 2014.

CALISTO, RUI. «José Saramago, As Intermitências da Vida». Caldas da Rainha. Editora Martins Fontes, 2010.

CARVALHO, ELEUTÉRIO DE. «A saga de Cristo segundo a teomania: a propósito de O Evangelho segundo Jesus Cristo de José Saramago — à guisa de carta aberta ao autor — ma non troppo». Lisboa. E. de Carvalho, 1992.

CARVALHAL, TANIA FRANCO. «Saramago na universidade». Brasil, Rio Grande do Sul. Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1999.

CASTELO-BRANCO, MARIA DO CARMO; LEÃO, ISABEL PONCE. «Os círculos da Leitura em torno do romance de Saramago, Memorial do Convento». Porto. Universidade Fernando Pessoa, 1999.

COELHO, MARIA DA CONCEIÇÃO; AZINHEIRA, MARIA TERESA. «Memorial do Convento de José Saramago». Mem Martins. Publicações Europa-América, 1997.

COSTA, HORÁCIO. «José Saramago. O Período Formativo». Lisboa. Caminho, 1997.

— Mar Aberto – Volume I, «Sobre a pós-modernidade em Portugal: José Saramago “revisita” Pessoa» (p. 113); «O romance português nos anos oitenta: José Saramago» (p. 120); «O ano da morte de Ricardo Reis» (p. 124); «Memorial do Convento» (p. 128); «A jangada de pedra» (p. 135); «História do cerco de Lisboa» (p. 138); «José Saramago e a tradição do romance histórico em Portugal» (p. 142). São Paulo, Lumme Editor, 2010.

D

DUARTE, HELENA VAZ. «Provérbios segundo José Saramago». Lisboa. Edições Colibri/Instituto de Estudos de Literatura Tradicional, 2006

F

FALCÃO, ALZIRA. «Como abordar Memorial do Convento: proposta de estudo em 15 aulas». Porto. Areal Editores, 2002.

FERENC, PÁL. «A végtelen regényszöveg büvöletében (José Saramago írói porte´ja)». Hungria, Budapeste. Mundus Kiado, 2000.

—«Camões, Pessoa, Saramago Magyarországon». Hungria, Budapeste. Equinter, 2013.

—«Saramago – Olvasatok». Hungria, Budapeste. Equinter, 2014.

FERNANDES, CIDÁLIA. «Chamo-me… José Saramago». Lisboa. Didáctica Editora, 2010.

FERNANDES, VANDA MARIA GOUVEIA. «O discurso religioso em O Evangelho segundo Jesus Cristo de José Saramago». Funchal. O Liberal, 2007.

FERNÁNDEZ, UBALDO; FONTECHA, ANTONIO. «En torno a Saramago». Espanha, Madrid. AlbaLibros, 2013.

FERRAZ, SALMA. «Ensaios: Saramago, Fernando Pessoa e Eça de Queiroz». São Paulo. Cone Sul, 1997.

— «O quinto evangelista: o (des) evangelho segundo José Saramago». Brasília. Editora da Universidade de Brasília, 1998.

— «A sagrada luxúria de criar». Brasil, Porto Alegre. Edipucrs, 1999.

— «As faces de Deus na obra de um ateu: José Saramago». Blumenau, Edifurb – Editora da Furb (Universidade Regional de Blumenau), 2012.

— «Dicionário de personagens da obra de José Saramago». Blumenau, Edifurb – Editora da Furb (Universidade Regional de Blumenau), 2012.

FILHO, ODIL DE OLIVEIRA. «Carnaval no Convento: intertextualidade e paródia em José Saramago». Brasil, São Paulo. Editora da Universidade Estadual Paulista, 1993.

FLORES, CONCEIÇÃO. «Do mito ao romance: uma leitura do Evangelho segundo Saramago». Brasil, Rio Grande do Norte, Natal. Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2000.

FOKKEMA, DOWE; BERTENS, HANS. «International Postmodernism. Theory and Practice». Amsterdam/Philadelphia. John Benjamins, 1997.

FRIER, DAVID G. «The Novels of José Saramago: Echoes from the Past, Pathways into the Future». Cardiff. University of Wales Press, 2007.

G

GONÇALVES, MARIA NEVES LEAL; REIS, FERNANDO EGÍDIO; SANTOS, MARIA MANUELA VENTURA. «Memorial do Convento. O Texto em Análise». Lisboa. Texto Editores, 2007.

GONZÁLEZ, SAMUEL RICARDO VÉLEZ. «El habitar humano de los espacios arquitectónicos desde la obra de José Saramago». Colômbia, Medelín. Universidad Pontificia Bolivariana, 2014.

GORRI, YAMANES. «Escritores famosos e autores anônimos» («José Saramago e a voz interior…», pp. 44-49). Brasil, Belo Horizonte. Edições de autor, 2010.

GROSSEGESSE, ORLANDO. «José Saramago lesen». Werk – Leben – Bibliographie. Berlim, Walter Frey (Edition Tranvía), 1999; 2ª edição – actualizada e com novos materiais, 2009.

H

HERNÁNDEZ, TERESA. «Los géneros en las Artes: Hacia un paradigma de modernindad en la modalidad ibérica de novela». Espanha. Universidad de Navarra, 2001.

HERRERO, JESUS. «Os Fantasmas e os equívocos de José Saramago». Lisboa. Planeta Editora, 2010.

J

JACINTO, CONCEIÇÃO; LANÇA, GABRIELA. «Análise da Obra Memorial do Convento». Porto. Porto Editora, 2008.

JÚLIO, MARIA JOAQUINA NOBRE. «Memorial do Convento de José Saramago: subsídios para uma leitura». Lisboa. Replicação, 1999.

JUBILADO, MARIA ODETE SANTOS. «Saramago e Sollers: Uma (Re)escrita Irónica?». Portugal, Évora. Nova Vega, 2000.

— «Olhares Cruzados — a problemática da leitura em José Saramago e Philippe Sollers». Portugal, Évora. Nova Vega, 2010.

K

KILEFF, MIGUEL. «La Caverna de José Saramago – Una Imagen Dialéctica». Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2013.

L

LAGO, MARIA PAULA. «A Face de Saramago». Porto. Granito – Editores e Livreiros, 2000.

LEÃO, ISABEL VAZ PONCE de, e CASTELO-BRANCO, Maria do Carmo. «Os Círculos da Leitura (em torno do romance de Saramago, Memorial do Convento)». Porto. Universidade Fernando Pessoa, 1999.

LOPES, JOÃO MARQUES. «Biografia José Saramago». Lisboa. Guerra e Paz e Edições Pluma, 2010.

LUCAS, ANA MARIA; CORREIRA, FÁTIMA VIEIRA. «Memorial do Convento de José Saramago: uma proposta de abordagem». Mem Martins. Sebenta, 1998.

LUKASZYK, EWA. «Pokusa pustyni. Nomadyzm jako wyjscie z kryzysu wspólczesnosci w pisarstwie Jose Saramago». Polónia, Cracóvia. Universitas, 2005.

M

MACEDO, HELDER. «Camões e Outros Contemporâneos» — “José Saramago e os caminhos do amor” (pp. 185 – 194). Lisboa. Editorial Presença, 2017.

MADRUGA, MARIA DA CONCEIÇÃO. «A Paixão segundo José Saramago – A Paixão do Verbo e o Verbo da Paixão». Porto. Campo das Letras, 1998.

MARINHO, MARIA DE FÁTIMA. «A lição de Blimunda: a propósito de Memorial do Convento». Lisboa. Areal Editores, 2009.

MARITANO, ALMA, REBOLACH, ALEJANDRO E BARAT, EBEL. «Aproximación a la Narrativa de José Saramago (Tres abordajes)». Argentina. Libros del Sur, 2009.

MARTINS, ADRIANA ALVES DE PAULA. «História e ficção — Um diálogo. Sobre História do Cerco de Lisboa». Lisboa. Ed. Fim de Século, 1994.

— «A construção da memória da nação em José Saramago e Gore Vidal». Alemanha, Frankfurt. Peter Lang GmbH, 2006.

MARTINS, ADRIANA ALVES DE PAULA, SABINE, MARK. «In Dialogue With Saramago: Essays in Comparative Literature». Manchester. Manchester Spanish & Portuguese Studies, 2006.

MARTINS, LOURDES CÂNCIO, CARVALHO, CÉLIA, SANTOS, PAULA PIRES e SILVA, HELENA. «Reler Saramago – Paradigmas Ficcionais». Lisboa. Edições Cosmos, 2005.

MARTINS, MANUEL FRIAS. «A Espiritualidade Clandestina de José Saramago». Lisboa. Fundação José Saramago.2014.

MEDEIROS, ALDINIDA. «Travessias pela literatura portuguesa: Estudos críticos de Saramago a Vieira». Brasil, Campina Grande. Editora da Universidade Estadual de Paraíba, 2013.

MENDES, MANUEL VIEIRA. «O Evangelho da história e o Jesus da fé, Contra as ficções romanescas de José Saramago». Porto. Livr. Fátima, 1990.

MENDES, MIGUEL GONÇALVES. «José e Pilar – Conversas Inéditas». Lisboa. Quetzal Editores, 2011.

— «José e Pilar: conversas inéditas». Brasil, São Paulo. Companhia das Letras, 2012.

MOLINA, CÉSAR ANTÓNIO. «Sobre el iberismo y otros escritos de literatura portuguesa». Espanha, Madrid. Akal/Bolsillo, 1990.

MONIZ, ANTÓNIO. «Para uma leitura de Memorial do Convento de José Saramago: uma proposta de leitura crítico-didáctica». Lisboa. Presença, 1995.

MORALES ALCÚDIA, JOAN. «Saramago por José Saramago». Espanha, Córdoba. El Páramo, 2013.

N

NETO, PEDRO FERNANDES DE OLIVEIRA. «Retratos para a construção do feminino na prosa de José Saramago». Brasil, Curitiba. Editora Appris, 2012.

NOCCHI, VENANZIO. «Breve storia del capovolgimento del mito di Don Giovanni, da Tirso de Molina a José Saramago». Itália. Libreria Editrice “La Tifernate”, 2005.

O

OLIVEIRA, MARIA LÚCIA WILTSHIRE DE. «De Camões a Saramago – leituras da pátria portuguesa». Brasil, Rio de Janeiro. Booklink Publicações, Ltda, 2004.

P

PARRA BAÑÓN, JOSÉ JOAQUÍN. «Pensamento Arquitectónico na obra de José Saramago: Acerca da arquitectura da casa». Lisboa. Editorial Caminho, 2004.

PENHA, GISELA MARIA DE LIMA BRAGA. «A jangada de pedra – uma viagem alegórica à poética de José Saramago». Brasil, São Paulo. Editora UNESP, 2007.

PEREIRA, JOSÉ ALBINO (Organização e Notas). «José Rodrigues Miguéis / José Saramago Correspondência 1959-1971». Lisboa. Editorial Caminho / Fundação José Saramago, 2010.

PICCHIO, LUCIANA STEGAGNO. «José Saramago. Istantanee per un ritratto». Itália, Firenze. Ed. Passigli, 2000.

PIRES, CRISTINA SOFIA MONTEIRO DOS SANTOS. «O Modo Fantástico e A Jangada de Pedra de José Saramago». Porto. Edições Ecopy, 2006.

PONCE, ESTELA MÓNICA; CASTAÑEDA, GRACIELA MARGARITA e PIEHL, MARISA LEONOR. «Indagaciones: Ensayos sobre la alteridad en la narrativa de José Saramago». Argentina, Córdoba. Editorial de la Universidad Católica de Córdoba, 2006.

PONSA, FRANCESC. «De la ceguesa a la lucidesa – La literatura d’idees de José Saramago». Espanha, Barcelona. Prohom Edicions, 2009.

PRUDÊNCIO, JOSÉ. «Um céu e dois destinos: José Saramago e José Augusto França». Lisboa. Esfera do Caos, 2009.

R

RAMOS, ANA MARGARIDA. «Memorial do Convento: da leitura à análise». Porto. Edições Asa, 1999.

REAL, MIGUEL. «Narração, Maravilhoso, Trágico e Sagrado em Memorial do Convento de José Saramago». Lisboa. Editorial Caminho, 1996.

REIS, CARLOS. «Diálogos com José Saramago». Lisboa. Editorial Caminho, 1998.

— «O Ano da Morte de Ricardo Reis, José Saramago». Lisboa. Porto Editora. 2017.

— «Pessoas de Livro. Estudos sobre a personagem» («Personagem e ficção meta-historiográfica. José Saramago e José Santa-Bárbara», pp. 145-162). Coimbra. Imprensa da Universidade de Coimbra. 2015.

REIS, MANUEL. «Crítica Necessária a José Saramago: a Falsa Questão Ateísmo-Teísmo. 1.a ed.». Aveiro. Estante Editora, 1992.

RINGEL, MIRIAM. «Viagem na Senda das Vozes – a Obra e a Vida de José Saramago». Jerusalém. Carmel Publishing House. 2009.

— «Moral Imagination in José Saramago’s Work». Israel. Carmel Publishing House. 2016.

RÍO, PILAR DEL (ed.), «José Saramago». Espanha, Madrid. Ediciones de Cultura Hispânica, 1995.

ROANI, GERSON. «No limiar do texto – literatura e história em José Saramago». Brasil, São Paulo. Annablume, 2002.

— «Saramago e a escrita do tempo de Ricardo Reis». Brasil, São Paulo. Editora Scortecci, 2006.

RUIVO, HORÁCIO. «A representação do espaço em Saramago — da negatividade à utopia». Portugal. Edições Esgotadas, 2017.

S

SEIXO, MARIA ALZIRA. «O essencial sobre José Saramago». Lisboa. Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1987.

— «Lugares da ficção em José Saramago.O Essencial e Outros Ensaios». Lisboa. Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1999.

— «A Viagem na Literatura». Mem Martins. Europa-América, 1997.

— «Poéticas da Viagem na Literatura». Lisboa. Edições Cosmos, 1998.

— «Le sens du voyage dans l’écriture romanesque: Italo Calvino, Christa Wolf, José Saramago». Athens: Cener Neoellenikon 2000.

SILVA, JOÃO CÉU E. «Uma Longa Viagem com José Saramago». Lisboa. Porto Editora, 2009.

SILVA, TERESA CRISTINA CERDEIRA DA. «José Saramago — entre a História e a Ficção: Uma Saga de Portugueses». Lisboa. Dom Quixote, 1989.

SILVEIRA, FRANCISCO MACIEL. «Saramago: eu-próprio, o Outro?». Aveiro. Universidade de Aveiro, 2007

SOARES, MARIA ALMIRA. «Memorial do Convento de José Saramago: um modo de narrar». Lisboa. Editorial Presença, 1999.

T

THIMÓTEO, SAULO GOMES. «Está lá tudo: A crônica e o cosmos de José Saramago». Brasil, Curitiba. Appris editora, 2016.

U

UMA VOZ CONTRA O SILÊNCIO. Lisboa. Editorial Caminho/ICEP/IPLB, 1998 (coordenação de Francisco José Viegas; edição em língua inglesa, A Voice against the Silence, Lisboa: Editorial Caminho/ICEP/IPLB, 1998).

V

VENÂNCIO, FERNANDO. «José Saramago: A luz e o sombreado». Porto. Campo das Letras, 2000.

VENTURA, MÁRIO. «Conversas». Lisboa. D. Quixote,1986.

VIÇOSO, VÍTOR. «A Narrativa no Movimento Neo-Realista: As Vozes Sociais e os Universos da Ficção (José Saramago: dos homens levantados à ocupação do “Livro do Latifúndio”, pp 333-339)». Lisboa. Edições Colibri, 2011.

VILA MAIOR, DIONÍSIO. «Literatura em discurso(s): Saramago, Pessoa, cinema e identidade». Coimbra. Pé de Página, 2001.

X

XPYΣOΣTOMIΔHΣ, ANTAIOΣ. «Οι κεραίες της εποχής μου» (pp. 67-78). Grécia, Kastaniotis, 2012.

 

Pin It on Pinterest

Share This