O Perseguidor – 12 de fevereiro, 18h30 – Jardim de Inverno Teatro São Luiz

Se fosse vivo, Julio Cortázar, um dos maiores escritores da literatura latino-americana, completaria cem anos em 2014. Para recordar o escritor argentino, que faleceu há 30 anos, uma série de actos serão realizados em todo o mundo no decorrer deste ano.

A Fundação José Saramago, a Casa da América Latina e o Teatro São Luiz decidiram juntar-se às comemorações do “Ano Cortázar” e organizar em parceria uma homenagem ao autor de Rayuela. No dia 12 de fevereiro – data da sua morte – será realizada no Jardim do Teatro São Luiz a leitura de trechos do conto O Perseguidor e serão interpretados alguns temas de Charlie Parker, jazzista que inspirou o escritor argentino a escrever o texto mencionado.

A seleção e leitura encenada de fragmentos do conto fica a cargo de José Rui Martins, do Trigo Limpo – Teatro ACERT, e a música será executada por Carlos Martins, Carlos Barretto, Mário Delgado e Alexandre Frazão. O espetáculo é gratuito e tem início às 18h30. As entradas podem ser levantadas nas bilheterias do Teatro São Luiz a partir das 13h horas do dia 12 de fevereiro.

 Sobre Cortázar, alguns artigos publicados nesta semana: 

Queremos tanto a Julio
(Texto de Juan Cruz, no El País)

Autorretrato de Cortázar a lo “rayuela”, en el 30 aniversario de su muerte
(El País)

El abecedario no alcanza para agotar el mundo de Cortázar
(Texto de Silvina Freira, no Página 12)

La eterna nalga de Cortázar 
(Texto de Ariel Dorfman, no Página 12)

Museo de la vida eterna
(Julio Ortega, Revista Ñ)

Pin It on Pinterest

Share This