“Sinto a falta de Saramago”

“O escritor português morreu há dois anos. Faz-me muita falta.” Esta afirmação é de Oscar Benassini, num texto publicado no jornal mexicano Excelsior. “Mais do que em qualquer outro escritor, gosto da minha versão de Saramago, aquela que me faz falta. Há aspetos da sua maneira de viver que simplesmente cativam, espantam, comovem, a partir dessa secura que parecia ser uma parte importante da sua identidade”.

Yo extraño a Saramago (Excelsior, México)

Pin It on Pinterest

Share This