A Vida de Liszt, de Guy Pourtalès, traduzido por José Saramago

A Vida de Liszt, de Guy Pourtalès, traduzido por José Saramago

“A Vida de Liszt” de Guy Pourtalès traduzido por José Saramago para a Estúdios Cor.

Em 1959, a Estúdios Cor deu à estampa “A Vida de Liszt” de Guy de Pourtalès com a tradução de José Saramago, considerada, de acordo com um jornal da época, “uma tradução cuidada e elegante”.

 

 

Pin It on Pinterest

Share This