Distinções

NOBEL PRIZE 1998

A obra de José Saramago foi distinguida em diversos países, com vários prémios, entre os quais cabe destacar o Prémio Luís de Camões em 1995 e o Prémio Nobel da Literatura em 1998.

Prémios

1979. Prémio da Associação de Críticos Portugueses — Melhor Peça de Teatro, representada em 1979, por A NoitePortugal.

1981. Prémio Cidade de Lisboa, por Levantado do Chão. Portugal.

1982. Prémio Pen Clube, por Memorial do Convento. Portugal.

1982. Prémio Literário do Município de Lisboa, por Memorial do ConventoPortugal.

1984. Prémio da Crítica do Centro Português da Associação Internacional de Críticos Literários, pelo conjunto da sua obra. Portugal.

1984. Prémio da Crítica do Centro Português da Associação Internacional de Críticos Literários, por O Ano da Morte de Ricardo Reis. Portugal.

1985. Prémio Pen Clube, por O Ano da Morte de Ricardo Reis. Portugal.

1985. Prémio da Crítica da Associação Portuguesa de Críticos Literários, por O Ano da Morte de Ricardo Reis. Portugal.

1986. Prémio Dom Dinis da Fundação da Casa de Mateus, por O Ano da Morte de Ricardo ReisPortugal.

1987. Prémio Grinzane-Cavour, por O Ano da Morte de Ricardo ReisItália.

1992. Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores, por O Evangelho segundo Jesus CristoPortugal.

1992. Prémio Internacional Ennio Flaiano por Levantado do Chão, em Pescara. Itália.

1992. Prémio Brancatti, em Zafferana, pelo conjunto da sua obra. Itália.

1992. Prémio Literário Internacional Mondello, em Palermo, pelo conjunto da sua obra. Itália.

1993. Prémio The Independent Foreign Fiction, por O Ano da Morte de Ricardo ReisReino Unido.

1993. Grande Prémio de Teatro da Associação Portuguesa de Escritores, por In Nomine Dei. Portugal.

1993. Prémio Vida Literária da Associação Portuguesa de Escritores, pelo conjunto da sua obra. Portugal.

1995. Prémio Camões, pelo conjunto da sua obra. Portugal.

1995. Prémio de Consagração de Carreira da Sociedade Portuguesa de Autores, pelo conjunto da sua obra. Portugal.

1996. Prémio Rosalía de Castro do Prémio Pen Clube (Galiza), pelo conjunto da sua obra. Espanha.

1998. Prémio Nobel da Literatura, pelo conjunto da sua obra. Suécia.

1998. Prémio Arcebispo Juan de San Clemente, por Ensaio sobre a Cegueira. Espanha.

1998. Prémio Europeu de Comunicação Jordi Xifra Heras, de Girona, pelo conjunto da sua obra. Espanha.

1998. Prémio Nacional de Narrativa Città di Pienne, pelo conjunto da sua obra. Itália.

1998. Prémio Scanno da Universidade Gabriele d’Annunzio, por Objecto Quase. Itália.

1998. Prémio Internacional de Narrativa Città di Penne-Mosca, pelo conjunto da sua obra. Itália.

2001. Prémio Canárias Internacional pelo Governo das Canárias, pelo conjunto da sua obra. Espanha.

2006. Prémio Dolores Ibárruri, pelo conjunto da sua obra. Espanha.

2009. Prémio à Cooperação Internacional CajaGranada, Granada, pelo conjunto da sua obra. Espanha.

Doutoramentos «Honoris Causa»

1991. Universidade de Turim. Itália.

1991. Universidade de Sevilha. Espanha.

1995. Universidade de Manchester. Reino Unido.

1997. Universidade de Castilla-La Mancha. Espanha.

1997. Universidade de Brasília. Brasil.

1999. Universidade de Évora. Brasil.

1999. Universidade de Nottingham. Reino Unido.

1999. Universidade de Porto Alegre. Brasil.

1999. Universidade de Minas Gerais. Brasil.

1999. Universidade de Federal de Santa Catarina. Brasil.

1999. Universidade de Rio de Janeiro. Brasil.

1999. Universidade de Massachussets. Estados Unidos da América.

1999. Universidade de Las Palmas de Grã-Canária. Espanha.

1999. Universidade de Politécnica de Valência. Espanha.

1999. Universidade de Federal do Rio Grande do Sul. Brasil.

1999. Universidade de Fluminense. Brasil.

1999. Universidade de Michel de Montaigne. França.

1999. Recusa o Doutoramento Honoris Causa pela Universidade Federal do Pará. Brasil.

2000. Universidade de Santiago do Chile. Chile.

2000. Universidade da República, Montevideu. Uruguai.

2000. Universidade de Salamanca. Espanha.

2001. Universidade de Granada. Espanha.

2001. Universidade de Roma Tre. Itália.

2002. Universidade para Estrangeiros de Siena. Itália.

2003. Universidade Carlos III. Espanha.

2003. Universidade de Buenos Aires. Argentina.

2003. Universidade Autónoma do México. México.

2003. Universidade Juaréz Autónoma de Tabasco. México.

2004. Doutor Honoris Causa pela Universidade de Coimbra. Portugal.

2004. Universidade Charles de Gaulle, Lille. França.

2004. Universidade de Alicante. Espanha.

2005. Universidade de Alberta. Canadá.

2005. Universidade Nacional de El Salvador. El Salvador.

2005. Universidade Nacional de São José. Costa Rica.

2005. Universidade Nacional de Comahue. Argentina.

2005. Universidade de Estocolmo. Suécia.

2006. Universidade de Dublin. Irlanda.

2007. Universidade Autónoma de Madrid. Espanha.

2010. Universidade Eötvös Loránd, em Budapeste. Hungria.

Outras Distinções

1985. Comendador da Ordem Militar de Santiago de Espada. Portugal.

1985. Presidente da Assembleia-Geral da Sociedade Portuguesa de Autores. Portugal.

1991. Chevalier de l’Ordre des Arts et des Lettres.França.

1992. Membro da Frente Nacional para a Defesa da Cultura. Portugal.

1993. Membro do Parlamento Internacional de Escritores. França.

1993. Membro da Academia Universal da Culturas. França.

1994. Integra a Academia Universal das Culturas, com sede em Paris. França.

1994. Membro Correspondente da Academia Argentina de Letras. Argentina.

1994. Membro do Patronato de Honra da Fundação César Manrique, Lanzarote. Espanha.

1994. Sócio Honorário da Sociedade Portuguesa de Autores. Portugal.

1994. Medalha de Instrução e Arte da Federação das Colectividades de Cultura e Recreio. Portugal.

1996. Medalha da Cidade da Câmara Municipal da Golegã. Portugal.

1997. Filho Adoptivo da Câmara Municipal de Castril. Espanha.

1997. Filho Adoptivo da Ilha de Lanzarote pelo Cabildo de Lanzarote. Espanha.

1997. Beca de Honra da Residência de Estudantes da Universidade Carlos III. Espanha.

1998. Membro da Academia Europeia de Yuste, ocupando a cadeira Rembrandt. Espanha.

1998. Leitor Emérito da Biblioteca Nacional de Portugal. Portugal.

1998. Medalha de Ouro de Mérito pela Câmara Municipal do Porto. Portugal.

1998. Grande Colar da Ordem de Santiago da Espada. Portugal.

1998. Sócio Correspondente da Academia de Ciências de Lisboa. Portugal.

1998. Sócio Honorário da Academia de Ciências de Lisboa. Portugal.

1998. Membro do Comité de Honra da Academia do Mediterrâneo. Itália.

1999. Sócio Honorário Desportivo do Sport Lisboa e Benfica. Portugal.

1999. Filho Adoptivo de Tías, Lanzarote. Espanha.

1999. Medalha de Honra da Universidade Internacional Menéndez Pelayo. Espanha.

1999. Medalha de Ouro da Universidade Coimbra. Portugal.

1999. Oficial da Legião de Honra (Croix d’Officer de la Légion d’Honneur). França.

2000. Medalha de Ouro do Governo das Canárias. Espanha.

2000. Presidente Honorário do Festival Son Latinos. Espanha.

2000. Medalha de Ouro da Confederação Internacional das Sociedades de Autores, atribuído no Chile.

2000. Membro da Academia Internacional de Humanismo. Estados Unidos da América.

2001. Visitante Distinto de São Domingos. República Dominicana.

2001. Professor Coordenador Honorário do Instituto Politécnico de Leiria. Portugal.

2001. Medalha Cuenca Património da Humanidade. Espanha.

2001. Sócio de Honra da Academia das Ciências e das Artes de Televisão. Espanha.

2002. Grã-Cruz da Ordem das Ilhas Canárias. Espanha.

2003. Medalha Reitoral da Universidade do Chile. Chile.

2003. Académico Honorário da Academia Canária da Língua, Lanzarote. Espanha.

2003. Chaves de Ouro da Cidade de Pinhel. Portugal.

2003. Presidente Honorário da Fundação Alonso Quijano, Málaga. Espanha.

2003. Sócio de Honra da Associação de Amigos do Povo Saharaui de Sevilha. Espanha.

2003. Membro do Comité de Honra da Fundação Rafael Alberti, Cádiz. Espanha.

2004. Medalha Isidro Fabela pela Faculdade de Direito da Universidade Nacional Autónoma do México. México.

2004. Medalha Guayasamín-Unesco pela Fundação Guayasamín. Equador.

2004. Hóspede Ilustre de Quito. Equador.

2004. Grã-Cruz de Mérito Cultural e Literário pelo Congresso Nacional. Equador.

2004. Grã-Cruz de Mérito Educativo e Cultural “Juan Montalvo” pelo Ministério da Educação, Quito. Equador.

2004. Medalha General Rumiñahui pelo Governo Municipal de Pichincha. Equador.

2004. Membro Honoris Causa do Conselhor do Instituto de Filosofia e Direito e de Estudos Histórico-Políticos da Universidade de Pisa. Itália.

2004. Cidadão de Honra da Cidade de Pisa. Itália.

2004. Membro Honorário do Colégio Máximo das Academias. Colômbia.

2004. Membro Honorário do Conselho Supremo das Academias. Colômbia.

2004. Membro Honorário do Instituto Caro y Cuervo de Bogotá. Colômbia.

2004. Membro Honorário do Centro Nacional de Cultura. Portugal.

2004. Membro da Academia Europeia das Ciências das Artes e das Letras. Áustria.

2004. Chave da Cidade de Santiago de León de Caracas. Venezuela.

2004. Visitante Ilustre da Cidade de Santiago de León de Caracas. Venezuela.

2004. Membro Honorário do Conselho Consultivo do Tribunal de Bruxelas.

2004. Membro do Conselho do Futuro da Unesco. França.

2005. Visitante Distinto de São José da Costa Rica. Costa Rica.

2005. Membro da Academia da Lanitidade. Brasil.

2006. Filho Adoptivo da Província de Granada. Espanha.

2006. Membro do Comité Assessor Baketik. País Basco. Espanha.

2007. Filho Predilecto da Andaluzia. Espanha.

2007. Presidente de Honra da Fundação José Saramago. Portugal.

2007. Prémio Save the Children pela ONG Save the Children.Argentina.

2007. Medalha de Mérito — Grau Ouro da Câmara Municipal de Mafra. Portugal.

2007. Sócio de Honra pela Associação de Imprensa de Sevilha. Espanha.

2009. Sócio Correspondente da Academia Brasileira de Letras, com a cadeira nº 16, cujo patrono é José Bonifácio de Andrade e Silva. Brasil.

 

Pin It on Pinterest

Share This